SOFTSUL prepara ações para o setor de TIC em 2019

SoftSul Tecnologia de Infornacao

SOFTSUL

Associação prepara ações para o setor de TIC em 2019

2018 foi um ano de muitas expectativas e mudanças no mercado gaúcho e brasileiro de TIC. No período, a SOFTSUL lançou novos eventos e intensificou suas ações para contribuir com o aumento da competitividade das empresas do setor e com o desenvolvimento socioeconômico do Rio Grande do Sul.

Fizeram parte do Plano de Ação da SOFTSUL para 2018 atividades relacionadas à capacitação, inteligência competitiva, fusões e aquisições, oportunidades de negócios e expansão de mercado. Ao total, a Associação realizou 27 eventos, reunindo mais de 500 profissionais do segmento. Com edições mensais do SOFTSUL!talks (happy hour) e do CaféTECH (café da manhã), foram tratados temas importantes como Inteligência Artificial, Internet das Coisas (IoT), Realidade Virtual e Aumentada, User Experience (UX), Design, Internacionalização de Marcas e S egurança Cibernética.

Entre os eventos de destaque do ano está o Meet & Match SOFTSUL, realizado em abril e que buscou aproximar as empresas participantes promovendo relacionamento e troca de informações estratégicas para os negócios entre elas. Na ocasião, mais de 30 empresários estiveram presentes na atividade. A temática de Dados Abertos também foi muito destacada ao longo de 2018. Em agosto, a Associação promoveu um workshop sobre o assunto, em parceria com a ASSESPRO-RS, onde participaram 60 representantes de empresas de TI.

Outro tema que recebeu grande atenção foi o Modelo de Gestão da Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (MGPDI). O modelo consiste na implantação de processos nas organizações, com o objetivo de estruturar a sua capacidade de inovar. Durante o ano, a SOFTSUL ofereceu um diagnóstico gratuito de inovação para empresas em workshops interativos sobre o MGPDI.

Ainda em 2018 foi formado o Grupo de Capital Humano da SOFTSUL, visando promover um espaço para discussão e troca de experiências na área. Também neste ano, a Associação atuou na presidência do Conselho das Entidades de Tecnologia de Informação (CETI) que representa as organizações da classe empresarial, fomentando ações e defendendo seus direitos e interesses diante do poder público, órgãos e instituições municipais, estaduais e federais.

No interior do Rio Grande do Sul, a SOFTSUL participou de eventos sobre financiamento à inovação para empresas, promovidos pelo PoloSul e APLTEC em Passo Fundo, e também do Workshop MGPDI Interativo, em Santa Cruz do Sul. Já em nível nacional, a Associação seguiu fazendo parte do Conselho Executivo da BraFIP – Plataforma Tecnológica Brasileira e apoiou a realização do evento de P&D colaborativo, em Belo Horizonte, e do Incoday 2018, em Recife.

Para 2019, a SOFTSUL espera construir um novo Plano Estratégico e um novo Plano de Ação para suas atividades de apoio às empresas. Para isso, promoveu em novembro uma atividade com a participação das empresas filiadas, representantes da academia, do Governo do Estado e de entidades parceiras, buscando adquirir subsídios e ideias para a formatação de um planejamento para o período 2019/2025. O evento contou com mais de 60 participantes.

Segundo o Presidente da SOFTSUL, José Antonio Antonioni, as mudanças arquitetadas estão de acordo com as tendências de mercado. “Traçamos uma visão de futuro e identificamos temas relevantes, as principais competências e demandas do setor de TIC no Rio Grande do Sul e, a partir disso, vamos propor rotas que resultem na alavancagem do setor até 2025”, disse.

( Amorim Comunicação )

.