Festival de Cinema de Gramado 2020 terá edição na TV e online

Festival de Cinema de Gramado
Festival de Cinema de Gramado 2020

Festival de Cinema de Gramado 2020 terá edição online

Festival de Cinema de Gramado 2020 vai acontecer entre os dias 18 e 26 de setembro.

Festival de Cinema de Gramado se reinventa e apresenta 48ª edição on-line e na tv

Festival de Cinema de Gramado 2020 : conheça as homenagens e Curtas Brasileiros selecionados – Troféu Oscarito, Troféu Eduardo Abelin e 14 curtas brasileiros em competição são anunciados.

Já em contagem regressiva para a realização do formato multiplataforma do Festival de Cinema de Gramado, que será transmitido pela TV e por streaming. Em 2020, serão 14 títulos de oito estados e Distrito Federal escolhidos entre 428 inscritos: Rio de Janeiro com quatro filmes, São Paulo com três, e Alagoas, Amazonas, Distrito Federal, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Sul, com um título cada. A Comissão de Seleção foi composta pela crítica de cinema, roteirista e jornalista cultural Lorenna Montenegro, pelo consultor, roteirista e diretor Frederico Pinto, pela diretora e roteirista Juliana Antunes, e pela roteirista, diretora e pesquisadora Rosa Miranda. 

Homenagens 2020 

Marco Nanini e Laís Bodanzky são reconhecidos por suas carreiras 

Dois nomes que fazem história no cinema nacional serão homenageados este ano. O Troféu Eduardo Abelin será da diretora Laís Bodanzky. Laís dirigiu filmes como o premiado “Como Nossos Pais”, que recebeu seis Kikitos em 2017, e “Bicho de Sete Cabeças”, de 2000. Atualmente, é diretora-presidente da Spcine. Por mais de 10 anos, Laís coordenou projetos sociais de audiovisual como o Tela Brasil, que promove exibição itinerante de filmes nacionais, um programa de educação audiovisual em várias comunidades pelo Brasil e o Tela BR, um curso de educação audiovisual a distância. 

Este ano, o Troféu Oscarito, a mais tradicional honraria entregue pelo Festival de Gramado será concedida ao ator, produtor e diretor Marco Nanini. Imortalizado na cultura popular por seus trabalhos na televisão, no cinema e no teatro, Nanini debutou nas telas de cinema no mesmo ano da primeira edição do evento serrano, em 1973, com o longa-metragem “As Moças Daquela Hora”. Antes, em 1969, já havia atuado em telenovelas e espetáculos teatrais. No currículo, quase uma centena de projetos ao longo dos últimos 50 anos. No ano passado, arrancou elogios da crítica nacional e internacional ao dar vida a personagem Pedro em “Greta”, do diretor Armando Praça. O filme foi exibido no Festival Internacional de Cinema de Berlim e teve sua estreia nacional no Cine Ceará, no qual obteve três troféus Mucuripe, incluindo a categoria de Melhor Ator para Nanini.

Vale lembrar que o 48º Festival de Cinema de Gramado não será presencial. A programação será transmitida pela grade linear do Canal Brasil e, também, pelo serviço de streaming. Cada categoria com suas peculiaridades que serão detalhadas quando a programação for divulgada.