Porto Alegre Carnaval 2021 : prefeitura não fará ponto facultativo e cancela programação de blocos de rua e desfile competitivo das escolas de samba

Carnaval em Porto Alegre -Imperadores do Samba - Foto Luciano Lanes
Carnaval em Porto Alegre – Imperadores do Samba – Foto Luciano Lanes

Porto Alegre Carnaval 2021 : prefeitura não fará ponto facultativo e cancela programação de blocos de rua e desfile competitivo das escolas de samba no Porto Seco

O prefeito Sebastião Melo anunciou na manhã d quinta-feira (28.01), que a Capital gaúcha não terá as programações regulares envolvendo o calendário dos blocos de rua, assim como já definido para o desfile competitivo das escolas de samba.

Em reunião no Paço Municipal, com intuito de somar esforços com lideranças e entidades representativas do Carnaval em Porto Alegre, Melo anunciou ainda que a prefeitura não fará ponto facultativo previsto para fevereiro, mantendo expediente regular na segunda-feira, 15, e na quarta-feira de Cinzas, 17. 

“Estamos trabalhando por uma reabertura com responsabilidade, no equilíbrio entre medidas de saúde pública e recuperação da economia. As aglomerações precisam ser controladas para mantermos a retomada” – Prefeito Sebastião Melo. 

“O Carnaval tem em mim um parceiro para buscar soluções”, afirmou Melo, enfatizando a necessidade de construir projetos para atrair investidores e também uma governança para o Carnaval de Rua, envolvendo moradores, comerciantes e representantes dos blocos de rua.

Em articulação liderada pela Secretaria Municipal da Cultura, participaram da reunião o titular da pasta, Gunter Axt, o adjunto, Clóvis André, representantes da União das Entidades Carnavalescas do Grupo de Acesso de Porto Alegre (UECGAPA), dirigentes de escolas de samba e de blocos e o comandante da Guarda Municipal, Marcelo Nascimento.

Porto Alegre não realizará desfile competitivo de carnaval no Porto Seco em 2021

A prefeitura de Porto Alegre e as escolas de samba da Capital informam que, devido à pandemia de Covid-19 e em respeito às normas sanitárias de prevenção ao coronavírus, o desfile competitivo de 2021 está cancelado. A decisão foi tomada em conjunto em reunião realizada pela Secretaria Municipal de Cultura na sexta-feira (22.01), com os presidentes das agremiações.

O secretário-adjunto de Cultura, Clóvis André, destaca a importância do diálogo entre o setor público e quem faz o desfile acontecer. “O Carnaval não vai deixar de existir. É um feriado nacional. O que nós fizemos hoje foi cancelar os desfiles competitivos por um motivo de força maior, que foge do controle da prefeitura e das entidades”, explicou.

A reunião foi realizada no Teatro Renascença, no Centro Municipal de Cultura, onde foram ouvidas as declarações de todos os representantes das escolas de samba e das ligas do grupo especial e divisão de acesso.