Vitória Moda 2016 – Egressos do Senai de diversos estados abrirão a programação de desfiles

Desfile Vitoria Moda 2015 - Singular Fotografia

Além do desfile produzido por egressos do Senai de várias partes do país, o evento contará com o Salão Criativo, que exibirá a moda, a arte e a cultura de empreendedores capixabas

A edição 2016 do Vitória Moda, maior evento de moda e vestuário do Espírito Santo, que acontecerá entre os dias 4 e 7 de julho, no Centro de Convenções da cidade, terá como foco a arte, cultura e moda do Estado. Na passarela, apresentação das criações de 22 marcas capixabas e o inédito desfile “Mundo no Brasil”, produzido por nove egressos (ex-alunos) do Senai de diversos Estados. O desfile abrirá a programação da passarela na terça-feira (05.07.16), às 17h.

O desfile é uma ação em rede da Diretoria Regional do Senai do Espírito Santo com o Senai Cetiqt – Centro de Tecnologia da Indústria Química e Têxtil. Sob o tema “Mundo no Brasil”, nove egressos do Senai criaram coleções compostas de três peças cada, que farão parte do desfile de abertura do Vitória Moda. São eles: Willame Knowles (MA), Natália Costa (MG), Tiago Silva (PA), Laís Alves (PB), Amanda Castro (PR), Jéssica Cerejeira (RN), Sabrina Bublitz (SC), André Fortes (SP) e Michel Cardoso (RJ). O objetivo é mostrar a qualidade e a criatividade dos profissionais de moda formados em diversos Estados pelo Senai, fortalecendo assim a competitividade da indústria brasileira.

Salão Criativo
O evento contará novamente com o Salão Criativo, que destacará a natureza exuberante, a etnia diversa, o artesanato e a economia transversal e criativa do Espírito Santo com o trabalho de empreendedores capixabas. O Salão acontecerá numa área de 700 metros quadrados, no Centro de Convenções de Vitória, e ganhará uma ambientação temática para acolher o público visitante.

Ainda no salão, cerca de 30 espaços serão ocupados por diversos segmentos que representam o setor da economia criativa: arte, cultura, fotografia, moda, design, cinema, gastronomia, arquitetura, marcenaria, artesanato, entre outros. Uma exposição temática, apresentações musicais, projetos e empreendimentos com conteúdo de inovação e conceito, por meio de produtos e serviços, também serão exibidos no local, objetivando a valorização e a apropriação de riquezas e valores capixaba, aplicados a cada negócio criativo, segundo informam as curadoras e coordenadoras do espaço, Jacqueline e Vivian Chiabay.