Porto Alegre : setor hoteleiro tem taxa de ocupação baixa e estável nos quatro primeiros meses de 2017

Porto Alegre : setor hoteleiro taxa de ocupação hoteis hospedagem hotel turismo

O setor de hospedagem de Porto Alegre iniciou 2017 no mesmo compasso de 2016. A taxa de ocupação referente aos quatro primeiros meses do ano segue em torno dos 45%. Apesar de ser considerada uma média baixa, o resultado mostrou estabilidade no setor. “Claro que não é o resultado que gostaríamos de ver, mas ao menos a taxa de ocupação manteve-se estável e parou de cair, o que era a nossa maior preocupação”, analisa o presidente do Sindicato de Hotéis de Porto Alegre (SHPOA), Carlos Henrique Schmidt.

Fevereiro confirmou ser o pior mês com a taxa de ocupação em 36%. Janeiro, março e abril se mantiveram entre 44 e 47%. O cenário estável, contudo, ainda deixa o setor em alerta, pois muitos estabelecimentos seguem com dificuldade para manter ou atrair novos clientes. “Com a baixa demanda se mantendo desde o ano passado, os hotéis não estão tendo um retorno para trabalhar com promoções e outras formas de redução de custos que fazem parte desse pacote”, avalia Schmidt.

O presidente acredita que a Capital necessita de investimentos no turismo, pois assim seria possível um crescimento na ocupação de hotéis locais. “Porto Alegre está precisando de uma política de turismo com ações de curto a médio prazo para que o setor possa voltar a crescer”, frisou. Também salienta, que “o fechamento das Secretarias de Turismo Estadual e Municipal, foram mais um duro golpe ao setor, demonstrando o total desconhecimento da importância que o turismo pode representar para a economia local”.