No próximo dia 31 de outubro acontece a famosa noite do Halloween – também conhecida como o Dia das Bruxas – quando as crianças batem às portas da vizinhança atrás de “doces ou travessuras”. Importada dos EUA, a diversão parece agradar a todos, um pouco menos aqueles que se preocupam com a saúde bucal das crianças devido ao consumo excessivo de doces.

Pensando em alternativas para tornar a diversão menos prejudicial aos dentes, José Henrique de Oliveira, cirurgião-dentista e diretor de Operações do INPAO Dental, trouxe algumas dicas e conselhos:

1- Ofereça pequenos pacotes de frutas partidas em tiras. Se estiver calor, uma melancia ou maça gelada pode fazer muito sucesso.

2- Assim como as frutas, bolos (de preferência sem recheio) também podem ser oferecidos em fatias.

3- Pacotes de pipoca, mesmo que sejam doces, são sempre menos agressivos à saúde bucal.

4- Barras de cereais são sempre uma boa opção, especialmente se tiverem pouco ou nenhum açúcar.

5- Da mesma forma, existem no mercado alguns Cookies sem açúcar e gordura trans. são bem saborosos e podem substituir tranquilamente algumas guloseimas.

6- Agora, se quiser mesmo dar um doce, escolha um chocolate “mais amargo”, porque este possui menos açúcar dos que os “ao leite”.

“O problema não é dar guloseimas às crianças, mas sim o tipo de doce ofertado. As balas mais duras, por exemplo, por conterem açúcar e permanecerem mais tempo na boca, permitem que o ataque ácido seja mais duradouro e prejudicial aos dentes. O mesmo se aplica as gomas de mascar e pirulitos, porque também permanecem muito tempo na boca. Já as balas moles, de rápido consumo, o principal cuidado é impedir que elas fiquem grudadas no dente”, orienta o especialista.

Outra alternativa menos comum, mas bem divertida, é oferecer jogos, brinquedos e kits para crianças, como revistas em quadrinhos, quebra-cabeças, carrinhos, bonecos em miniatura, e até mesmo lápis, canetas e borrachas com tema Halloween.

Mas se você é daqueles que segue à risca a tradição, em vez de simplesmente banir o consumo de doces, crie regras para que seu filho não coma tudo de uma vez. Além disso, sugira que os doces sejam comidos somente depois das refeições, pois a saliva já está fluindo e ajuda a diluir o açúcar para que eles não fiquem nos dentes.

Vale lembrar que uma cárie começa, de forma geral, a partir dos restos de alimentos que ficam presos aos dentes após a alimentação. Como a grande maioria do que consumimos possui açúcar (ou amidos), isso permite que as bactérias presentes na boca produzam ácidos que corroem os dentes, levando à perda mineral e causando a cárie.

“Como esse processo leva em torno de 20 minutos ou mais, basta escovar os dentes de forma correta o mais breve possível após o consumo dos doces. O ideal é escovar os dentes logo depois da brincadeira, principalmente se for antes de dormir. Como o fluxo salivar, que ajuda na limpeza, diminui durante o sono, essa higienização é a mais importante do dia”, finaliza o Dr. José.