Rio Grande do Sul – Delegados de Polícia decidem pela suspensão de todas as ações e operações policiais

Foi aprovada também a suspensão do sobreaviso por 30 dias e a realização de uma Assembleia Geral em conjunto com a Associação dos Oficiais da Brigada Militar (ASOFBM), para decidir ações em comum entre as categorias

Os Delegados de Policia decidiram em Assembleia Geral, realizada no início da noite de sexta-feira (31.07.15), suspender toda e qualquer ação e operação policial até a integralização do subsídio referente ao mês de julho, com exceção de casos graves e flagrantes de delitos. De acordo com a presidente, Delegada Nadine Farias Anflor, eleita nessa mesma Assembleia, a medida foi motivada pelo descaso do Governo Estadual com a categoria e pelo parcelamento dos salários. “O Governo confirmou o parcelamento um dia antes da data que receberíamos o nosso salário, sem nem informar o valor. Isso é uma falta de respeito com os servidores públicos, que exercem suas funções mesmo com as dificuldades, com a falta de estrutura”, afirmou. Em caso de novos parcelamentos, a medida será automaticamente retomada.

Os Delegados também vão suspender o sobreaviso por 30 dias, a partir do dia 17/08. Já as ocorrências que podem ser registadas pela Delegacia on-line não serão mais protocoladas nas Delegacias de Policia. Os casos que entram nessa medida são a perda de documento, acidente de trânsito sem vitima, furto simples, crimes contra honra, maus tratos contra animais e perturbação de tranquilidade. Além disso, categoria decidiu propor uma representação para Ação Direta Interventiva junto ao Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com o vice-presidente da ASDEP, eleito na Assembleia, o Delegado Wilson Müller Rodrigues, os Delegados também não vão mais remeter Inquéritos Policiais, Termos Circunstanciados e procedimentos para adolescentes infratores, exceto Autos de Prisão em flagrante e inquéritos de investigado preso. “Todas essas medidas são válidas até a integralização do salário referente ao mês de julho e serão postas em prática imediatamente, com exceção da suspensão do sobreaviso”, explicou o vice-presidente.

União de entidades
O Coronel Marcelo Frota, presidente da Associação dos Oficiais da Brigada Militar (ASOFBM), foi convidado a participar da reunião, quando foi comunicada a aprovação da Assembleia Geral entre a ASDEP e a ASOFBM. O encontro, para decidir ações em comum entre as entidades, deve acontecer nos próximos dias.

Delegados de Polícia decidem pela suspensão de todas as ações e operações policiais
Na ocasião, os Delegados manifestaram apoio à marcha dos servidores públicos prevista para o dia 18/08, em Porto Alegre.

-- --