Especialista dá dicas para melhorar a qualidade do sono

Qualidade do sono - Foto ALLimpress
Qualidade do sono – Foto ALLimpress

A qualidade do sono é fundamental. Todos já vivemos a experiência de dormir alguns minutos e sentirmos a sensação de descanso; e por vezes, dormirmos horas e despertarmos com uma persistente sensação de cansaço. Seguir algumas orientações, chamadas de HIGIENE do SONO, podem melhorar a qualidade. O otorrinolaringologista Salomão Carui ( CRM 101.580 ), especialista em medicina do sono e halitose, membro do grupo do sono do hospital Albert Einstein, repassa algumas delas, confira:

· Evitar ficar na frente do computador e da televisão 2 horas antes de dormir;
· Dormir num quarto silencioso e confortável. Uma boa dica é comprar um tapa-ouvido, que se usa para natação, e utilizá-lo para dormir, se a vizinhança for muito barulhenta, ou o paciente muito sensível ao som;
· Fazer a última refeição até 1 hora antes de ir se deitar, para evitar a indigestão;
· Nunca se alimentar na cama (cama é para dormir);
· O quarto deve ser, o máximo possível, escuro;
· Evitar ficar pensando em muitas coisas quando deitar-se. Tenha pensamentos calmos e serenos e evite as preocupações;
· Tomar banho de banheira (imersão) quente para relaxamento muscular, ou chuveiro;
· Dormir em posição correta, de lado, preferencialmente à direita, com travesseiro na altura do ombro para que a cabeça e a coluna vertebral fiquem absolutamente alinhadas e um travesseiro entre as pernas ou as mãos juntas, entre as coxas.

Dormir bem na noite anterior é básico, mas podemos utilizar alguns alimentos ou bebidas para ajudar a enfrentar o sono diurno ocasional.

Entre as opções estão:
· Café forte
· Guaraná em pó
· Energéticos à base de Taurina
· Açaí
· Chocolate
· Chá de gengibre.

Entretanto, a sonolência recorrente durante o dia não é um bom sinal. Além de significar que o corpo não descansou adequadamente, ela contribui para diminuir o rendimento e a concentração nas tarefas diárias, podendo causar até mesmo pequenos acidentes de trabalho.

A causa também pode ser algumas doenças, como:
· Insônia;
· síndrome das pernas inquietas;
· síndrome da sonolência excessiva diurna;
· obesidade;
· apneia do sono;
· narcolepsia;
· sonambulismo.

Se o cansaço é persistente o ideal é procurar ajuda médica, pois, ao eliminar a causa, o sono volta a ser reparador e o sintoma de ter sono durante o dia deixa de ser frequente.

As especialidades que podem ajudar são: Otorrinolaringologistas, Pneumologistas e Neurologistas

-- --