Ginecologista dá dicas para a passagem pela menopausa sem crise

mulher e moda

Menopausa – Saúde da Mulher

A menopausa ainda é um tema que desperta muitas dúvidas nas mulheres. Na prática trata-se do período da vida da mulher em que a menstruação é interrompida. Segundo o ginecologista do Hospital Nossa Senhora das Graças, Rafael Tedeschi, existe uma idade média para o início da menopausa, no entanto pode variar conforme alguns fatores. “A idade média é de 51 anos, mas fatores como idade da primeira menstruação, causas genéticas, tabagismo, IMC, e alimentação podem influenciar”, afirma.

É comum ouvir que a mulher ao “entrar na menopausa sente calor”. Além disso, alguns sintomas são observados, tais como atrofia urogenital, alteração no humor variando entre ansiedade e depressão, insônia e irritabilidade. Mas junto a esses sintomas o médico afirma que o diagnóstico é feito após a parada da mentruação por pelo menos 1 ano. “Já para as mulheres que usam DIU com medicação hormonal e pílula, pode ser difícil identificar a parada da mentruação e isso dificulta o diagnóstico”, ressalta.

É nesse período da vida da mulher que também pode desencadear problemas no sono. “A queda dos hormônios pode provocar cansaço, fadiga e insônia”. Para isso, existem terapias hormonais e não hormonais. Entretanto, no caso da hormonal, deve ser feita uma discussão com o ginecologista para mostrar os riscos e benefícios. “É importante destacar que não há relação de ganho e perda de peso com reposição hormonal, e por isso é importante consultar um médico, assim todas as dúvidas podem ser esclarecidas”, diz Rafael.

Tedeschi explica que é comum as mulheres deixarem de visitar o ginecologista após entrar na menopausa, porém não é aconselhável. “É de extrema importância manter a consulta periódica com o ginecologista, tanto para promoção da saúde como para prevenção e rastreamento de doenças como câncer de mama e de colo, fala.

O médico assegura que hábitos saudáveis são as melhores opções para as mulheres, tanto as que estão próximas da menopausa quanto as que já entraram. “Manter uma dieta balanceada e fazer exercícios físicos regularmente pode amenizar os sintomas da menopausa”, finaliza.