Imoveis tintas imobiliarias orcamento pintor (2)

A pintura das paredes é uma das etapas mais importantes da construção ou reforma de uma casa e exige a contratação de um profissional capaz de realizar o trabalho com total dedicação e capricho. Mas como avaliar se o orçamento feito por um pintor está de acordo com a qualidade do serviço que será entregue?

Pintores imobiliários costumam cobrar a diária de trabalho, que varia de R$80 a R$300, dependendo da carga horária e da região do país. Para analisar se o orçamento do pintor é justo, o primeiro passo é verificar o estado da superfície das paredes. “Ele está ligado diretamente ao tempo de trabalho e, consequentemente, ao valor que será cobrado, pois, quanto mais patologias, como mofo e fissuras, maior será o trabalho para solucioná-las”, explica Felipe Comelatto, técnico em produtos da Futura Tintas.

Outro fator importante é a indicação de produtos feita pelo profissional, que pode exigir um tipo de tinta, rolos ou outras ferramentas. Segundo o especialista, é importante pesquisar se os produtos exigidos são aprovados pelo Programa Setorial de Qualidade, selo da ABRAFATI – Associação Brasileira de Fabricantes de Tintas. “É importante sempre tomar cuidado com as indicações, pois alguns pintores recebem comissão para obrigar o cliente a usar alguns produtos”, alerta.

Imoveis tintas imobiliarias orcamento pintor (1)

No entanto, dependendo da qualidade da tinta, o profissional tem o direito de aumentar o valor cobrado. “Existem produtos que precisam de quantidades maiores de demão da tinta, exigindo mais tempo de trabalho”, confirma Comelatto, que estabelece uma média de 1 litro de tinta para um espaço de 4m² de parede.

O técnico em produtos destaca que no primeiro contato com o pintor já é possível avaliá-lo. “A confiança no profissional pode ser adquirida na forma como ele detalha o trabalho em sua primeira visita ao local da pintura”, explica. No entanto, pode-se perceber a experiência do profissional por meio da quantidade de tinta exigida. “Se o profissional erra muito na quantidade de produto é porque ele não fez as medições corretas, isto é , não avaliou corretamente o trabalho a ser realizado. Mas normalmente as lojas recebem de volta a mercadoria e fazem o abatimento do orçamento total”, finaliza.