Horizonte Têxtil suspende produção devido a crise econômica brasileira

Horizonte Textil

A Horizonte Têxtil anunciou ao mercado, no final da primeira quinzena de março de 2016, a decisão de suspender as atividades produtivas. O comunicado público cita em suspender atividades e não em fechamento da empresa. “Por razões exclusivamente advindas da situação econômica do país, nos vimos a paralisar nossa produção”. A nota segue
: “Foram 21 anos de história. Nos reinventamos muitas vezes e acreditamos que nossos produtos estavam conquistando cada vez mais o mercado”.

Em 1995, a Horizonte foi comprada por um grupo mineiro, iniciando com a produção de sarja colorida e estampada. Em 2009, diversificou o mix, passando a bater malha. Em 2012, ampliou a produção de denim, para um ano depois deixar de fazer sarja e, no final de 2014, parou de bater malha. Investiu R$ 10 milhões na fábrica de Pará de Minas, onde já tinha as unidades de fiação e tecelagem. Em 2015, concentrou a atuação exclusivamente na área de denim, e transferiu a produção de Belo Horizonte para Pará de Minas. A fábrica de Belo Horizonte era responsável pelo acabamento dos tecidos e foi desativada.

Fontes do mercado informam que os empregados da fábrica de Pará de Minas foram demitidos, permanecendo apenas uma equipe de manutenção para as máquinas. O escritório na capital mineira, funciona.

-- --