Google Fashion Trends : estudo revela o que as pessoas estão buscando para Inverno 2017

Minas Trend desfile Victor Dzenk Moda Inverno 2017 – Foto AgenciaFotoSite

Os consumidores de moda têm a internet como uma das principais fontes de inspiração, especialmente quando procuram por novidades e tendências. É o que confirma a nova edição do Google Fashion Trends, ao revelar um salto de 28%, nas buscas relacionadas ao segmento em 2016. Além de mostrar quais produtos estão com a popularidade em alta, o estudo contém insights que representam uma oportunidade para a indústria e o varejo se anteciparem aos desejos do consumidor.

Para se ter uma ideia do tipo de insight presente na Fashion Trends, dos homens que efetuam compras online, 40% deles adquirem itens de moda no mundo virtual, enquanto entre a mulheres compradoras, esse índice é de 36%. Aliás, o público masculino segue surpreendendo quando o assunto é moda. Dados inéditos colhidos junto ao YouTube, dão conta de que audiência dos canais de moda e beleza masculina aumentou 13 vezes em 2016.

Outro aspecto interessante quando pensamos em tudo que foi buscado no Google no ano passado é o destaque para a moda da estação outono/inverno, que cresceu impressionantes 46%, em comparação com as buscas feitas em 2015, enquanto a pesquisa por itens de primavera/verão aumentou 22% no período apurado. A análise aponta ainda que quem disponibilizar em sua prateleira virtual, itens como coturnos, calças, botas, ternos, blazers e jaquetas, têm grandes chances se dar bem na hora da venda.

Pensando nas tendências que estão em alta, os anos 90 continuam voltando com tudo. Quer saber mais? Bastar dar uma olhada no resumo abaixo com os principais insights.

Google Fashion Trends Outono-Inverno (Insights)

· Em busca de um estilo mais autêntico e estar antenado, homens estão se voltando cada vez mais à web para comprar roupas. No online eles têm a chance de conhecer novos produtos e técnicas sem serem reprimidos. No Google, itens do universo masculino cresceram 49% em 2016 e acima da categoria de moda como um todo (28%);

· O consumo de conteúdo também se mostra como um fator relevante para esse público, nos últimos 2 anos o tempo gasto assistindo vídeos dos principais canais de moda masculina cresceu 13 vezes;

· As dúvidas também se diversificaram, com itens como “cortes de cabelo masculino”, “maquiagem masculina” e “saia para homens” crescendo acima de 70% nos últimos 2 anos.

-- --