Expo Riva Schuh 2017 : 42 marcas nacionais de calçados participaram da feira na Itália

Marcas de calçados brasileiras na Expo Riva Schuh - Abicalçados
Marcas de calçados brasileiras na Expo Riva Schuh – Abicalçados

As marcas de calçados brasileiras comemoram mais uma exitosa participação na feira de calçados Expo Riva Schuh, em Riva Del Garda, na Itália. Entre os dias 14 e 17 de janeiro de 2017, 42 marcas nacionais de calçados apresentaram suas coleções de outono-inverno, com apoio do Brazilian Footwear, programa de apoio às exportações de calçados mantido pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

Avaliação
De acordo com a analista de Promoção Comercial da Abicalçados, Ruísa Scheffel, apesar da baixa visitação na feira, os contatos que estiveram no evento eram de grande potencial, e podem vir a gerar grandes negócios nos próximos seis meses. “As marcas estão confiantes com a coleção deste inverno, pois os modelos estão de acordo com o que o consumidor procura”, comentou Ruísa. Resultado que pode ser visto pelos números registrados nos quatro dias de feira: as empresas brasileiras receberam 540 contatos de 63 países, fechando negócios imediatos no valor de US$ 3,94 milhões, com uma expectativa de chegar ao montante de US$ 21,41 milhões nos próximos seis meses em decorrência da Expo Riva Schuh.

“Estamos muito satisfeitos com os resultados da exportação. Em 2016, o departamento de exportação cresceu 40% e isso mostra que estamos no caminho certo. Para 2017, o planejamento é continuar crescendo, buscando novos clientes e consolidando a marca nos mercados internacionais”, contou o expositor Leandro Camargo. O sentimento de dever cumprido é compartilhado por Gustavo Bauer, outro expositor. Segundo ele, esta edição foi melhor que a do inverno passado. “A coleção estava mais assertiva e pudemos notar isso através da receptividade dos clientes com os produtos. A feira teve menos visitação, porém foi muito boa para a empresa e estamos com boas expectativas para os próximos meses”, reforça Bauer.

E não foram somente os expositores mais antigos que comemoraram as vendas e os contatos da feira italiana. Quem fez sua estreia também saiu de Riva del Garda satisfeito. Conforme Giuseppe del Vecchio, representante de marca de calçados masculinos, a participação na feira superou as expectativas, sendo a assertividade no produto um dos pontos cruciais para esse resultado. “Os contatos realizados foram muito bons e de grande potencial. Muito desse resultado se deve ao fato da empresa, mesmo sendo sua primeira participação, ter focado em apresentar fortemente a identidade da marca. A feira ajudou na abertura de novos mercados e no início de parcerias interessantes para médio e longo prazo”, destaca.

Como foi em 2016
::: 41 marcas nacionais participaram da mostra realizada entre 11 e 14 de junho de 2016 :::

A analista de Promoção Comercial da Abicalçados, Ruísa Korndorfer Scheffel destacou que a participação nacional vem em crescimento na feira italiana. Em junho de 2015, 23 marcas participaram, sendo que a expectativa de negócios era de US$ 17 milhões nos meses subsequentes à feira. Em 2016, as 41 marcas totalizam estimativas de US$ 26 milhões em negócios alinhavados no evento. “Somente na feira, foram comercializados mais de 100 mil pares por US$ 2 milhões. Mas o grande volume de vendas ocorre mesmo com os negócios alinhavados”, avalia Ruísa. Segundo a analista, importadores de quase 70 países visitaram as marcas brasileiras, com destaque para Itália, Rússia, Inglaterra, Portugal, Polônia e Israel. O relatório da Abicalçados aponta, ainda, que foram mais de 600 contatos com importadores, sendo quase metade deles de novos e potenciais clientes.

Fonte : Diego Rosinha / Abicalçados