Papa pede “gratidão e afeto” para todas as mães

papa francisco
O papa Francisco pediu no domingo (8.5.16), “gratidão e afeto” para as mães de todo o mundo, no dia em que muitos países celebram o Dia das Mães.

“Hoje, em muitos países, celebra-se a festa das mães, recordamos com gratidão e afeto todas as mães, confiando-as a Maria, mãe de Jesus”, afirmou o papa, da varanda do palácio apostólico, onde pronunciou a oração Regina Coeli, oração do meio-dia no tempo pascal que substitui o Angelus dominical.

O papa também recordou a celebração da quinquagésima Jornada Mundial da Comunicação Social.

Numa reflexão sobre a igreja no mundo contemporâneo, Francisco recordou que os participantes do Concílio Vaticano 2 “entenderão a importância crucial das comunicações, que podem criar pontes entre as pessoas, as famílias, os grupos sociais e os povos, tanto no ambiente físico, como no digital”.

O papa mostrou-se, em diversas ocasiões, a favor do uso das novas tecnologias como via de aproximação ao Evangelho em diversos cantos do mundo. Hoje, ele está presente nas redes sociais Twitter e Instagram.

-- --