Concurso gastronômico Gold Chef Brasil por Fabio Juchen

gold-chef-brasil-concurso-gastronomico-gold-chef-brasil-vinicola-garibaldi
A Cooperativa Vinícola Garibaldi em parceria com o Dica de Chef e a Escola de Gastronomia da Universidade de Caxias do Sul (UCS-ICIF), promovem o Gold Chef Brasil, que visa encontrar entre os cozinheiros a receita mais saborosa e criativa.

Gold Chef Brasil
O concurso gastronômico recebeu 300 inscrições. Foram selecionados 10 finalistas que viajam com as despesas individuais de transporte, hospedagem e alimentação pagas para preparar sua receita ao vivo para um grupo de 30 jurados convidados, amantes da enogastronomia. Os encontros são realizados aos sábados, entre os dias 8 de outubro e 17 de dezembro de 2016, nas dependências da Vinícola Garibaldi, na Serra Gaúcha. O grande vencedor da primeira edição do Gold Chef Brasil será conhecido em janeiro de 2017.

Conheça os selecionados:
::> Aline Melo Coelho – Manaus (Amazonas)
Receita: Ballotine de pirarucu ao velouté de tucupi com arroz de jambu

::> Anderson Fontanive – Garibaldi (RS)
Receita: Carré de porco ao barbecue com patê de pinhão e batatinha inglesa

::> Douglas Ismael Holler – Ivoti (RS)
Receita: Porco recheado com mix de cogumelos, queijo gouda e erva doce com molho de laranja e salada de alface e brotos

::> Fábio Ceconello Medeiros – Caxias do Sul (RS)
Receita: Extracotto de ossobuco e merlot

::> Giovanni dos Santos Wilfer – Araçatuba (São Paulo)
Receita: Matambre recheado flambado na cachaça com polenta cremosa, espinafre e quiabo

::> Giselle Gozzi Da Rós – Vitória (Espírito Santo)
Receita: Filé de linguado envolto com parma e perfume de limão siciliano na manteiga de ervas e arroz com lâminas de amêndoas

::> Janaína Barszcz – São Leopoldo (RS)
Receita: Escondidinho gourmet de batata doce, gergelim negro, mussarela de búfala e peito de galinha caipira, acompanhado de lâminas de cenoura e gengibre grelhadas na manteiga e flores comestíveis

::> Jhonatan William Soares dos Santos – Campo Grande (Mato Grosso do Sul)
Receita: Tilápia a cocais com purê de abóbora cabotiá

::> Marcio Schwartzmann – Campinas (SP)
Receita: Gnocchi ao Nero di Sepia com camarão e polvo no molho de mascarpone

::> Michael Waller – Porto Alegre (RS)
Receita: Magret de pato preparado com mel e gergelim preto, acompanhado de purê de cenoura com caviar de manjericão, casca de cenoura assada, cenoura grelhada e flor comestível

Sortimentos.com no juri do Gold Chef Brasil
Por Fábio Juchen ( editor )
Na noite de sábado (05.11.16) participei do juri que avaliou a receita de porco recheado com mix de cogumelos, queijo gouda e erva doce com molho de laranja e salada de alface e brotos, do cozinheiro Douglas Ismael Holler de Ivoti (RS).

concurso-chef-gold-brasil-fabio-juchen

Para harmonizar, foi servido espumante Garibaldi Chardonnay Brut que apresenta coloração límpida com perlage formando borbulhas finas e numerosas, em coloração amarelo palha com reflexos dourados. Aromas delicados lembram pêssego e maça. A bebida proporciona sensação de frescor e equilíbrio entre açúcar e acidez.

O concurso está em andamento então não comentarei a avaliação.

Vinícola
Antes de participar do concurso, à covite de Maiquel Vignatti, gerente de Marketing da Vinícola, conheci em visita guiada a história e a linha de produtos da Cooperativa. Situada em Garibaldi (120Km de Porto Alegre) no coração da Serra Gaúcha – maior região vitivinícola do Brasil -, a Garibaldi possui área de 32 mil metros quadrados de construção e capacidade de estocagem que ultrapassa os 20 milhões de litros para vinhos e espumantes. As uvas utilizadas na produção de produtos da Cooperativa são oriundas das terras de 370 famílias associadas, distribuídas em 12 cidades da região. O terroir da Serra Gaúcha, oportuniza aos espumantes produzidos pela Cooperativa uma série de premiações em concursos no Brasil e no exterior, figurando na lista das cinco maiores produtoras de espumantes do país e entre os 100 melhores vinhos do mundo.

vinicola-garibaldi-fabio-juchen

Acordes
Durante a visitação conheci o bacana espaço Acordes, que permite fazer encontro enogastronomico para um grupo seleto dentro de um barril de Carvalho, que até recentemente era utilizado para receber mais de 100 mil litros de vinho. O ambiente é encantador.

Safra 2017
Após a queda de safra em 2016 que motivou o uso do estoque de reserva, o setor vinícola projeta para 2017 uma quebra de 10% em relação à 2015. Lideranças das entidades que representam produtores de uva, cooperativas e indústria vinícola chegaram a consenso e definiram o preço mínimo em R$ 0,92 centavos ao quilo da variedade Isabel a 15 graus. O coordenador da Comissão Interestadual da Uva, Denis Debiasi, comemorou o fato do setor vinícola ter chegado a um acordo, com aumento real de cerca de 10% em relação à última safra. Na safra 2015/2016 o preço mínimo foi fixado em R$0,78.

-- --