Importadora de vinhos Casa Rio Verde recebe vinhos da Sierra Cantabria

Casa Rio Verde enologo Marcos Eguren Vinedos y Bodegas Sierra Cantabria


Importadora de vinhosCasa Rio VerdeVinhoSiteVinhoClube

A Casa Rio Verde, importadora de vinhos, traz para Minas Gerais, com exclusividade, a Viñedos y Bodegas Sierra Cantabria, uma das principais bodegas da tradicionalíssima região da Rioja, na Espanha. A bodega tem à frente o prestigiado enólogo Marcos Eguren.

A nova parceria se inicia com a importação de três clássicos da vinícola: o Sierra Cantabria Reserva, Sierra Cantabria Selección e Sierra Cantabria Garnacha, produzidos nas cidades de San Vicente de la Sonsierra, Labastida e Laguardia.

CLUBE DO VINHO TEM COMO DESTAQUE VINHOS DA FAMÍLIA EGUREN

Pela qualidade apresentada, o vinho SIERRA CANTABRIA GARNACHA, é o destaque do clube de vinhos “Seleção Pratinum” da importadora em dezembro ( https://www.vinhosite.com.br/clube-do-vinho-vinhoclube/platinum ).

Já o PROTOCOLO TEMPRANILLO compõe a Seleção Unique ( https://www.vinhosite.com.br/clube-do-vinho-vinhoclube/unique ). 

VINHOS COMERCIALIZADOS PELA CASA RIO VERDE – SIERRA CANTABRIA

::: SIERRA CANTABRIA GARNACHA 2014 – Elaborado pela Sierra Cantabria, bodega que é uma das grandes estrelas da tradicional região de Rioja. Suas uvas são colhidas manualmente e é feita uma dupla seleção dos cachos: uma primeira seleção na própria vinha, e uma segunda ao chegar na adega. De coloração cereja vermelha é frutado, fresco e equilibrado, marcado pela identidade característica da Garnacha. No nariz, apreciam-se os aromas de frutas, especialmente frutas negras, ameixas e groselhas.

::: SIERRA CANTABRIA SELECCIÓN 2015– Elaborado com a variedade rainha da família Eguren, 100% Tempranillo de vinhas próprias localizadas em San Vicente de la Sonsierra e Laguardia. Com um envelhecimento de 6 meses em depósito e 6 meses em barricas de carvalho americano e francês de 225 litros. É um vinho frutado e amigável.

::: SIERRA CANTABRIA RESERVA 2011 – Considerado um dos 100 melhores vinhos de 2016 em todo o mundo, com 93 pontos, pela Wine Enthusiast, se destaca pelo frescor, elegância e personalidade. Tem uma expressão de frutas vermelhas, taninos sensíveis mas maduros, com boa acidez, estrutura e expressividade.

VINHOS COMERCIALIZADOS PELA CASA RIO VERDE/VINHOSITE – DOMINIO DE EGUREN

::: PROTOCOLO ROSÉ V.D.T. CASTILLA 2016 – Vinho rosado seco de bom gosto, com acidez equilibrada e sabor longo. Muito frutado, com elementos de framboesas, morangos, cítricos e ervas. É um vinho honesto, limpo e de boa qualidade.

::: PROTOCOLO TEMPRANILLO V.D.T. CASTILLA 2015 – Com 87 pontos no guia Peñin, é produzido pela Bodega Dominio de Eguren, em uma área com cerca de 700m de altitude, o que favorece a boa produção de uvas no local. Elaborado com 100% de uvas Tempranillo, tem coloração violeta, com aromas de frutas roxas. Na boca, é equilibrado, tem corpo médio e final prolongado. O Domínio de Eguren pertence à Bodegas Sierra Cantabria, uma das mais famosas e respeitadas de toda a Espanha.

::: CODICE 2015 – Produzido pela família Eguren, esse vinho transmite a honestidade da Tempranillo em sua versão mais diária. Na boca, é poderoso, saboroso, fresco e com muita fruta. Possui bastante mineralidade. No nariz, apresenta aroma de frutas negras, como groselha, alcaçuz e ervas assadas.

BODEGA DOMINIO DE EGUREN (CASTILLA)
Além de trabalhar com os vinhos da Sierra Cantabria, a Casa Rio Verde adicionou ao seu portfólio outra bodega da família Eguren, a Dominio de Eguren, Vinos de la Tierra de Castilla. A adega está localizada na cidade de Páganos, em Álava, onde mantém 15 vinhas distribuídas nos domínios de Vinos de la Tierra e Vinos de Mesa, com produção das marcas Codex, Epic, Torre Abalde, Royal Estratego e Protocolo.

Os vinhos da Dominio de Eguren provêm de uma seleção rigorosa de vinhas localizadas em uma área privilegiada de Castilla, a 700 m de altitude, com idade entre 30-70 anos, plantadas em treliça principalmente, e colheita totalmente manual e seletiva. A área é caracterizada por um clima continental, com influências mediterrâneas com invernos frios e verões quentes e secos e alta luminosidade.

CINCO GERAÇÕES COM O MELHOR DA RIOJA
Ao longo de cinco gerações, desde 1870, a família Eguren vem se dedicando ao cultivo das vinhas e à elaboração e envelhecimento dos melhores vinhos da Rioja, com raízes em San Vicente de la Sonsierra. Considerada a região “top” do vinho na Espanha, as variedades Tempranillo e Garnacha encontram ali sua melhor expressão.

Ao pé da serra que dá seu nome à bodega e que protege seus vinhedos dos ventos frios do norte, pratica-se uma viticultura integrada, respeitosa com o meio ambiente, com intervenção mínima sem uso de herbicidas ou produtos sistêmicos e seleção manual dos cachos. A filosofia da família se resume em “máximo respeito à fruta para alcançar vinhos que evocam o terroir”.

À frente do trabalho enológico, Marcos Eguren, com o filho Eduardo, e o irmão Miguel Eguren, na gestão, produzem vinhos classificados como “novos clássicos”: vinhos poderosos, mas finos, frescos, fluidos e elegantes, distinguidos por seus taninos doces e por serem sedosos, de grande versatilidade, longevidade e personalidade marcante.

MARCOS EGUREN
Paradigma do sucesso dos vinhos de Rioja em todo o mundo, Marcos Eguren e seu irmão Miguel pertencem à quarta geração da linha familiar que atualmente comanda o grupo de vinícolas que engloba a Sierra Cantabria, Cantabria Viñas, Señorío de San Vicente e Viñedos de Páganos (DO Ca. Rioja), Dominio de Eguren ( VDT Castilla ) e Bodegas Teso La Monja (DO Toro).

Marcos Eguren estudou Viticultura e Enologia na Escola da Videira em Madri e, mais tarde, foi diplomado em Enologia pela Universidade Rovira i Virgili em Tarragona. Para completar sua formação, estudou nas Universidades de Bordeaux e Montpellier.

Juntamente com seu irmão e o filho Eduardo, Marcos Eguren transformou uma adega familiar em uma referência na vinificação espanhola colocando seus vinhos na elite do vinho espanhol e no topo do pódio nas pontuações das revistas mais influentes no cenário internacional.

Em declaração, o enólogo afirmou: “Lutamos todos os dias para que o solo de nossas vinhas tenha vida. Quando é assim, quando temos uma uva viva, o vinho consegue transmitir emoções. Fazer vinhos é isso, contando coisas e se movendo”.

PREMIAÇÕES
Ao longo de sua carreira, Marcos Eguren construiu um currículo espetacular que inclui várias distinções, gozando de prestígio nacional e internacional. Em 2009 e 2012 foi considerado o melhor produtor de vinho pela “Best Worldwide Winemaker “, organizado pela publicação” Wine Enthusiat “.

Mais recentemente, o trabalho do enólogo foi reconhecido com o “Prêmio Especial do Guia de Vinhos Gourmets 2018”, homenagem aos profissionais que, com seu trabalho, contribuem para a evolução do setor vitivinícola espanhol. Na edição do ano passado, os vinhos da Sierra Cantabria aparecem novamente entre os melhores da Espanha

Entre inúmeras outras premiações, destacamos: dez vinhos elaborados por Marcos Eguren superam 95 pontos na edição de 2016 do Guia de Peñín. A Wine Spectator concedeu 96 pontos a Alabaster 2014 ,e classificou os vinhos da família Eguren com as melhores pontuações. Em 2014, a Wine Guide 2014, reconheceu um dos vinhos da vinícola – o tinto Amancio 2010 como o melhor vinho tinto com 99 pontos.