Centro Social Padre Pedro Leonardi inaugura Complexo Cidade dos Anjos na Restinga Velha

Casa Lar Cidade dos Anjos Restinga Velha Porto Alegre


Centro Social Padre Pedro Leonardi inaugura Complexo Cidade dos Anjos na Restinga Velha

No sábado (02.12.17), às 10h, será inaugurado o Complexo Cidade dos Anjos ( Estrada Edgar Pires de Castro, 5608 – Restinga Velha ), em Porto Alegre / RS, projeto do Centro Social Pe. Pedro Leonardi. O local reunirá três casas lar próprias, e modernas, que cuidarão de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade. A primeira moradia será entregue no evento e, as outras duas, em 2018. A inauguração contará com a presença de Dom Jaime Spengler, Arcebispo Metropolitano de Porto Alegre.

“Desde 2013, mantemos, junto ao convênio estabelecido pela FASC ( Fundação de Assistência Social ), três Casas Lar em espaços alugados e em situação delicada. No entanto, os custos chegam, por ano, ao valor de R$ 60 mil em aluguel. Para melhorar o atendimento aos acolhidos e diminuir os custos estamos construindo as unidades próprias”, afirma Claudionir Ceron, diretor do Centro Social Pe. Pedro Leonardi. O número de acolhidos, por enquanto, será o mesmo: 24 meninos e meninas entre zero e 17 anos.

Cada casa lar própria terá 250 m² e custou entre 450 e 490 mil reais, dinheiro oriundo de doações, almoços solidários e até a rifa de um automóvel clássico de propriedade do pároco Ceron. “Fizemos de tudo para tornar esse sonho realidade”, diz Claudionir. Um sistema moderno de energia solar será instalado nas moradias para economia de luz.

Por enquanto, na Casa 1 ficarão abrigados quatro meninos (dois de 17 anos, um de 16 e um de 14) e quatro meninas (15, 13, 12 e 11 anos). Na Casa 2, serão quatro meninas (15, 11, 8 e 4 anos) e dois meninos (de 11 e 5 anos). Na Casa 3, cinco meninas (14, 12, 11, 7 e 5 anos) e dois meninos (10 e 3 anos). Para Ceron, as novas unidades serão construídas de acordo com as necessidades dos residentes, priorizando uma infraestrutura adequada, além de espaços de lazer, tais como pátio, quadra e pracinha para que nossos acolhidos possam ter um desenvolvimento pleno.

Ainda são aceitas doações, em dinheiro e material de construção, para a finalização das outras duas unidades. Informações pelo telefone (51)3250 6617 ou pelo e-mail: pe.pedroleonardi@yahoo.com.br.

Casa Lar
Um casal social, chamado de “Pais Sociais”, é responsável por todos os vínculos familiares e educativos destas crianças em defesa de seus direitos. Eles são contratados pela Paróquia como funcionários para ficar nas casas protegendo as crianças 24 horas por dia, recebendo ainda um apoio de uma “folguista” que nos dias de folga dos pais cuida dos menores.

Cada família atende 8 crianças em um ambiente alugado e mobiliado pelo projeto. A casa é acolhedora e existe também uma preocupação com a higiene, a saúde física e mental, a inserção na escola e alimentação. Em conjunto com a FASC, o centro social e a paróquia garantem os alimentos, assim como outras necessidades como remédios, roupas e brinquedos.

As crianças, também precisam de PADRINHOS SOCIAIS que possam doar alimentos, roupas, brinquedos e, o principal, carinho. Muitas destas crianças podem ser afilhadas. Para isso, os padrinhos sociais precisam fazer um curso de capacitação e seleção pelo Pão dos Pobres. Mais informações pelo (51) 3250 6617.

Escolha das Crianças

O Poder Judiciário é quem define quais crianças vão ser abrigadas. O afastamento das famílias de origem é feito porque os pais verdadeiros não têm condições de ficar com os filhos ou por possuírem impedimentos legais. A equipe técnica, com assistente social e psicóloga, faz visitas domiciliares para acompanhamento e reinserção social.

-- --