Especialista explica a importância da calibragem dos pneus

troca de pneus oficina mecanica carros


Calibragem dos pneus – Fabricante de pneus Bridgestone – Automóvel Carro Veículo

Cuidar da calibragem dos pneus é uma tarefa muito importante. Para a fabricante de pneus Bridgestone, a pressão correta é um item essencial tanto para a boa dirigibilidade quanto para o menor desgaste. Além disso, é um dos principais influenciadores do consumo de combustível e, consequentemente, da emissão de poluentes.

De acordo com José Carlos Quadrelli, gerente geral de Engenharia de Vendas da empresa, o motorista precisa estar sempre atento à calibragem do pneu porque ele é o principal elo entre o veículo e o solo. “A calibragem correta proporciona o aproveitamento ótimo dos sistemas de suspensão, transmissão, tração, direção e frenagem, trazendo assim maior segurança ao motorista e aos passageiros”, diz.

O proprietário precisa fazer uma checagem semanal da pressão dos pneus e respeitar a calibragem recomendada pelo fabricante, indicada pelo manual do proprietário, que em alguns casos também é encontrada no lado de dentro da tampa do bocal de combustível ou em outros pontos internos da carroceria. A calibragem deve ser verificada com os pneus frios (num posto não mais do que 2 km distante da casa do consumidor). O estepe também precisa ser examinado e calibrado com uma pressão maior de até 5 psi acima dos demais.

“A baixa pressão de inflação dos pneus pode acarretar vários danos ao veículo: perda de aderência, risco de detalonamento (quando o pneu “desencaixa” da roda), deterioração da estrutura interna do pneu devido ao aquecimento extremo durante a rodagem, instabilidade, maior esforço do motor e, consequentemente, aumento do consumo de combustível, o que resulta ainda na emissão de maiores quantidades de CO2″, explica Quadrelli.

Dicas para uma viagem tranquila:

– Antes de sair, não esqueça de verificar nível de óleo, água, calibragem dos pneus, alinhamento e balanceamento, entre outros itens básicos;

– Faça um roteiro prévio da viagem, assim você escolhe os melhores caminhos e sabe quanto gastará em pedágios, se há locais para paradas e descansos, etc;

– Deixe a faixa da esquerda livre para ultrapassagem;

– Mantenha distância de pelo menos 30 metros do veículo à frente.

– Mantenha os faróis ligados. Além de ser lei eles ajudam a sinalizar a sua posição na estrada e também mantém os outros motoristas atentos;

– Quando há muito movimento nas estradas é comum encontrar filas nas praças de pedágios. Para evitar acidentes, respeite o limite máximo de velocidade nas praças, que é de 40 km/h;

– Fique atento aos veículos pesados em alta velocidade na passagem pela pista automática, isto porque eles têm capacidade de frenagem inferior a um carro;

.