Renato Martins usou referências cinematográficas para mostrar soluções aos desafios gerados pela crise econômica

Alexandre Gadret e Renato Martins na palestra Foto Renato Albasini

Criatividade foi o que não faltou para mostrar as soluções aos desafios impostos pelas crise econômica, política e social. O diretor de jornalismo da Band-RS, Renato Martins, usou referências cinematográficas para mostrar as saídas encontradas pelos diretores de cinema. As cenas foram mostradas durante o “Bom Dia Associado”, de terça-feira (06/10/15), promovido pela Associação Comercial de Porto Alegre (ACPA).

Com cenas do filme “Amor sem escalas”, lançado em 2009 e estrelado por George Clooney, o palestrante iniciou a sua participação, ressaltando a importância da liderança, motivação, inovação e acima de tudo, otimismo, nos ambientes empresariais.

Com o tema “Cena de Cinema – Luz, câmera, gestão em ação” o jornalista, que comenta filmes na Band, revelou a sua proximidade com a sétima arte ao compartilhar ideia e estimular a reflexão. Como em um filme, ele incentivou os presentes a enfrentar as crises impostas pelo dia a dia com criatividade. “Nos momentos difíceis a pergunta não é: o que fazer? E sim, como fazer?”, avisou Renato, que possui 15 anos de experiência no grupo Band-RS.

Para ele, o melhor caminho a ser percorrido por uma liderança é o do otimismo. “É preciso passar energia e pensamento positivo. Esses sentimentos estimulam e mudam a frequência de uma equipe”, aconselhou. Como no roteiro do filme “Perfume de mulher”, de 1992 que contou com a atuação de Al Pacino, o palestrante entende que o líder ainda deve conhecer com profundidade o segmento de atuação, investir em pessoas e conhecimentos, além de planejar o previsível para ter mais tempo para enfrentar o imprevisível.

Substituir a crítica pelo elogio construtivo também faz parte das diretrizes traçadas por Martins, que salientou que todo o chefe precisa reconhecer as suas limitações e nas oportunidades atuar com ousadia e inovação. “ Aplico diariamente uma fórmula que consiste em delegar atividades, monitorar as ações e cobrar os resultados”, revelou o diretor de jornalismo ao sugerir que para orientar uma equipe de trabalho é preciso envolvimento e transparência. “Ao saber da verdade todos vão se doar mais e produzir mais”, finalizou Renato Martins.

-- --