Bela Vista Café Colonial abre unidade em prédio histórico de Porto Alegre

Bela Vista Café Colonial Porto Alegre - Foto Vini Dalla Rosa
Bela Vista Café Colonial, tradicional casa de Gramado, na Serra gaúcha leva ao Shopping Total em Porto Alegre, o tradicional cardápio com mais de 80 itens – Foto Vini Dalla Rosa

O Bela Vista Café Colonial abriu no início de agosto de 2016 operação com mil metros quadrados nas instalações das antigas cervejarias Continental e Brahma. Localizado em prédio histórico anexado ao Shopping Total em Porto Alegre, o empreendimento traz um cuidado rigoroso na preservação das características históricas do prédio, projetado pelo célebre arquiteto alemão Theo Wiedersphan.

Fundado em 1972, o Bela Vista Café Colonial possui duas casas em Gramado, com um cardápio composto por mais de 80 itens, que retratam um pouco da culinária dos colonizadores alemães e italianos, que ao lado dos portugueses se estabeleceram no município. O menu é composto pelas tradicionais receitas e também por pratos novos – que atendem às exigências dos clientes.

Daiane Caliari Guizzardi e Walter Guizzardi Junior - Bela Vista Café Colonial Porto Alegre - Foto Vini Dalla Rosa
Daiane Caliari Guizzardi e Walter Guizzardi Junior investiram R$ 3 milhões na unidade do Bela Vista Café Colonial Porto Alegre – Foto Vini Dalla Rosa

A primeira doceira da casa, Lira Caliari, trouxe da localidade onde nasceu, Linha Marcondes, as melhores tradições da culinária alemã. Ela foi criada em meio a fornos sempre quentes, de onde saíam pães de milho e centeio e cucas. Aprendeu a cozinhar com a mãe Eli e com as tias Olga e Adelina, e logo estava produzindo pães de mel e bolachas coloniais.

Com 16 anos, Lira deixou o interior para trabalhar em Gramado. Trabalhou em hotel e casas de família, onde mostrou suas habilidades culinárias, até chegar ao Bela Vista. Primeiro, como funcionária. Mais tarde, como proprietária.

O alto nível de exigência de Dona Lira podia ser observado no dia a dia por suas ajudantes. Inventava receitas e, ás vezes, chegava a jogar quatro tortas fora até chegar no ponto certo. “Todos os livros de receitas tinham segredos. Então eu tinha que inventar as minhas tortas”, relembra Dona Lira.

O amplo cardápio costuma encantar turistas de todo o Brasil, incluindo celebridades. “Xuxa comia bem, mas evitava o sal. No dia em que foi ao café colonial, fez a festa da criançada”, relembra Dona Lira. Já o técnico Luiz Felipe Scolari costuma visitar a casa e provar de tudo. “Teixeirinha e Mary Terezinha gostaram tanto que foram até a cozinha cantar para mim”, relembra a doceira.

Entre os hits do café colonial estão a Torta de Amendoim e o Apffelstrudel. Este último é uma das delícias que exige maior tempo na preparação, e é o favorito de Dona Lira Caliari, que nunca negou fornecer suas receitas para os visitantes que pediam. “O segredo era a minha mão. Às vezes uma ajudante fazia uma receita com todas as quantidades certas, mas não saía igual”, relembra.

 

Lucia Helena de Souza e Fabio Juchen - Sortimentos-com
Lucia Helena de Souza e Fabio Juchen (Sortimentos.com) na noite de apresentação do empreendimento à imprensa na Capital gaúcha

O Bela Vista pretende manter as mesmas características em Porto Alegre, criando um ambiente familiar de muita alegria. “Conhecer as receitas que servimos também é uma forma de fazer com que o turista leve de volta para sua casa um pouquinho das nossas origens, da nossa cultura e, principalmente, da nossa vontade de bem servir”, resume Daiane Caliari Guizzardi, filha de Dona Lira, que hoje ajuda a manter o legado de qualidade e bom atendimento.

O valor do café colonial no Bela Vista do Shopping Total será de R$ 68* por pessoas, e as crianças até quatro anos não pagam. Crianças entre cinco e nove anos pagam R$ 34*.

* Valores válidos em agosto de 2016 sujeito a alteração sem aviso prévio

-- --