Arquiteto Neto Porpino tira dúvidas sobre as formas de mudar o visual das paredes da casa

formas de mudar o visual das paredes da casa

Papel de parede, pastilhas, pintura, texturas e barras decorativas são algumas das opções que o mercado oferece para quem deseja dar vida nas paredes brancas da casa. E para quem não sabe qual produto escolher, o arquiteto, Neto Porpino, montou um guia que irá tirar dúvidas, como vantagens e desvantagens, qual o melhor tipo para cada parede entre outras.

Papel de Parede
O papel de parede é uma técnica antiga e muito utilizada entre os consumidores. Muito versátil e com uma infinidade de cores e estampas, o revestimento é de fácil aplicação, tem longa durabilidade e possui um grande apelo decorativo. Segundo o arquiteto, Neto Porpino, ele é indicado para quem deseja mudar apenas algumas paredes do cômodo, pois em excesso deixa o local carregado. Além disso, não é recomendado para áreas molhadas e muito quentes, pois caso haja danificação em um pedaço do material e seja necessário trocar, dificilmente a tonalidade da nova faixa de papel terá a mesma cor, pois o que está na parede geralmente sofre algum desbotamento.

Vestcor
O Vestcor é um papel de parede texturizado. O material possui a mesma técnica de aplicação de um papel de parede comum, a grande diferença é que ele pode ser pintado toda vez que o morador enjoar da cor escolhida. Com 11 texturas diferentes, ele pode ser utilizado no revestimento de paredes e tetos e é composto por várias camadas de papel com fibras de madeira, que deixam a estrutura firme e encorpada, trata-se de uma solução prática e eficiente para garantir uma superfície uniforme e resistente. Após aplicação do VestC or, bastam 24 horas para que a superfície esteja totalmente seca e pronta para receber a pintura. A opção é uma alternativa para quem precisa modificar um ambiente, sendo que bastam apenas duas demãos de tinta para uma pintura homogênea e eficiente.

Pastilhas
De acordo com Porpino, as pastilhas deixaram de ser exclusivas para cozinhas e banheiros e ganharam espaço nas áreas sociais, principalmente quando o assunto é piso. O arquiteto conta que ele pode ser mesclado com outros tipos de revestimentos, criando um ambiente moderno e descontraído. “Desde que haja um equilíbrio, harmonia e proporção entre os mesmos é válido utilizar revestimentos diferentes em um mesmo cômodo”, afirma. Muito versáteis, é possível encontrá-las em diferentes materiais, como vidro, cerâmica ou materiais naturais e podem ter vida útil de até 50 anos.

Barras Decorativas
O Alizares, é uma barra decorativa produzida por poliestireno reciclado que pode ser aplicada em pisos, tetos e em qualquer altura da parede, proporcionando uma decoração diferenciada. Neto Porpino conta que é um revestimento que está sendo bastante usado, principalmente em salas e quartos, e são ideias para inovar na decoração. O Alizares pode ser encontrado em seis modelos com design e espessura diferenciadas e pode ser usado tanto em ambientes internos quanto externos. As peças possuem design moderno e são práticas na aplicação, além de possuir facilidade na limpeza e manutenção e serem resistentes a cupins e outros insetos. As barras decorativas são vendidas na cor branca e veem prontas para serem aplicadas, porém podem ser pintadas posteriormente dando um toque a mais que irá mudar o ambiente. Além disso, possuem inúmeros benefícios, como não apodrecer, não mofar, não entortar e ser lavável.

Tinta
A pintura com tinta é a técnica mais utilizada quando surge o desejo de mudar as paredes. O mercado oferece uma infinidade de cores, marcas e produtos que ajudam a aplicar a tinta e, que em muitos casos, dispensa o uso de um pintor profissional. “Em curto prazo é uma opção mais barata, porém a tinta precisa de um retoque a cada três anos, o que pode encarecer a técnica”, conta Porpino.

-- --